top of page

Agenda da COP28 é pauta em empresas do transporte rodoviário de cargas

Executiva do setor destaca a necessidade da adoção de práticas corporativas mais sustentáveis


Foto: Zorzin Logística


A Zorzin Logística, empresa de transporte rodoviário de cargas, está intensificando seus esforços para se alinhar aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da Organização das Nações Unidas (ONU), destacando seu comprometimento com a responsabilidade social e com práticas corporativas sustentáveis.


Atualmente, as cidades são responsáveis por 75% das emissões de carbono na atmosfera, um dos gases de efeito estufa, de acordo com dados divulgados pela ONU. Portanto, tornar as cidades mais sustentáveis e justas é essencial para auxiliar o planeta, razão pela qual empresas de diferentes setores precisam estar atentas à adoção de práticas para atender a esses objetivos, como é o caso do transporte rodoviário de cargas.


Gislaine Zorzin, diretora administrativa da empresa, destaca a importância da diminuição dessa porcentagem, contribuindo para a qualidade de vida e para a promoção de equidade: “Nossa empresa busca constantemente promover uma cultura organizacional baseada em competência e em reflexão, integrando valores e missões institucionais que afetem todos, contribuindo com a conscientização e com a mudança efetiva”.

Para fortalecer seu compromisso social, a Zorzin Logística é parceira da Câmara LGBT do Turismo e Comércio de São Paulo, da Coalizão Empresarial para Equidade Racial e de Gênero, do Movimento Vez e Voz e do Instituto Arvoredo. Além disso, há mais de um ano é signatária do Pacto Global dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) no Brasil.


A executiva enfatiza a contribuição ativa da Zorzin Logística para atingir os ODS, renovando sua frota para veículos menos poluentes. “Essa prática não apenas reduz custos de manutenção, mas também abraça tecnologias modernas para veículos mais eficientes e ecologicamente corretos. A adoção de iniciativas diárias simples, como reciclagem, uso de água e medidas de economia de energia, são essenciais nessa colaboração”, comenta Gislaine.


Apesar dos desafios existentes no cenário corporativo brasileiro, há uma crescente adesão das empresas aos ODS, conforme pesquisa realizada pela ONU ainda este ano. O intuito desta investigação foi atender a agenda da Conferência de Mudanças Climáticas da Organização (COP), a qual reúne todos os países-membros para debater estratégias para conter o aquecimento global. Gislaine ressalta o papel transformador que as empresas podem desempenhar ao influenciar positivamente a sociedade e o meio ambiente com essa colaboração.

“A nossa empresa mantém um olhar atento para o futuro, principalmente aos temas relacionados à COP28, reforçando o nosso compromisso com práticas sustentáveis e as metas globais. Precisamos nos responsabilizar para mudar”.


Gislaine Zorzin, diretora administrativa da Zorzin Logística.

0 comentário

Comments


bottom of page