Competências Comportamentais: Negociação e Empatia

Atualizado: 1 de Set de 2020

Já ouviu falar sobre o poder de negociação? Esse poder, pode ser definido, como a habilidade de influenciar o comportamento de outra pessoa. Essa habilidade refere-se ao potencial para persuadir outro com êxito. Nos negócios, é a capacidade de mudar atitudes de um parceiro, cliente ou outro interessado em um favor desejado.


Quando falamos em negociação, não se trata apenas de determinar um perdedor ou um vencedor. É sobre como gerenciar os interesses de um negócio, os alinhando com os interesses dos clientes, fornecedores e parceiros. Se você possui habilidades nesse campo, limita as desigualdades entre a sua empresa e a rede de interesse. Gosto de chamar de equação do ganha-ganha. 


Indo para um caminho completamente oposto ao da definição anterior, a empatia por definição, é a capacidade de sentir o que o outro sentiria caso você estivesse na mesma situação vivida por ele. Em outras palavras, significa a buscar a compreensão dos sentimentos e das emoções alheias através de uma análise aprofundada e racional.


Na vida profissional, a empatia auxilia gestores a se comunicar melhor com sua equipe. Ela está relacionada à capacidade de ter sentimentos saudáveis e equilibrados e a reagir bem às crises e conflitos cotidianos, estabelecendo uma conexão sincera com nossos subordinados, pares e gestores.


Em suma, ambos os termos nos ajudam a ter uma visão mais branda e focada de determinada situação. Aprendemos, que gerenciar os interesses e manter sentimentos saudáveis, são fatores essenciais para uma boa gestão de si, e do outro.




0 comentário

© 2023 por Equipe de TI do IT.