Tecnologia transformando as operações logísticas da Flash Courier


Desde sua criação, a Flash Courier implementa tecnologias que lhe permitem estar à frente do mercado e atender demandas sazonais com baixo impacto às operações logísticas de produção e entrega. Para falarmos um pouco mais sobre a maneira que esse processo operacional funciona na empresa, conversei com Danilo Silva, Gestor de Operações da Moove+ e Ednaldo Gomes, Gerente de Operações da Flash Courier.


É verdade que nos últimos anos, realizamos aqui na Flash Courier e Moove+, grandes investimentos em estruturas operacionais e administrativas. Para Danilo, as principais foram a implantação de novos sites descentralizados para operações, esteiras automáticas, sorters para diferentes tipos e tamanhos de mercadorias e lockers para possibilitar que as encomendas estejam disponíveis para o público que não permanece em sua residência.


“Hoje, grande parte das empresas de logística, até mesmo as Startups, encaixam os clientes em seus produtos e prazos, nosso negócio vai na contramão do padrão que o mercado oferta, com rápido entendimento e análise, conseguimos resolver problemáticas e implementar soluções sistêmicas e operacionais com velocidade”, afirma Danilo.


Somos reconhecidos pelos nossos clientes por entender as demandas, implementar soluções e o mais rápido possível colocá-las em prática. O nosso principal diferencial é a política focada na busca por soluções e desenvolvimento, não nos contentamos em aguardar que as demandas apareçam.


Outro diferencial competitivo se dá pelo fato de estarmos sempre de olho a novas tendências, por termos uma aproximação e uma troca muito positiva com nossos clientes, sempre mantemos o investimento em automação. Temos um time focado em implementar novas tecnologias sistêmicas e de equipamentos.


“A Flash Courier possui tecnologia de última geração em toda cadeia logística operacional. O início de nossa logística começa no momento que nossos clientes enviam os arquivos de postagem dos objetos, ou seja, neste momento o sistema faz o processo do arquivo e insere um número de rastreio para cada objeto”, comenta Ednaldo.


As nossas empresas contam com tecnologias ainda não tão comuns no mercado brasileiro, como roteirização de mercadorias por meio de AGVs (veículos guiados automatizados) integrados à Sorters. “Por termos equipe interna de desenvolvimento e melhoria contínua do nosso sistema, conseguimos colocar rapidamente em funcionamento todo esse aparato de equipamentos e termos sucesso no atendimento das demandas”, acrescenta Danilo.


O projeto dos AGVs integrados à Sorters, consiste em um investimento de mais de R$ 16 milhões em uma profunda estratégia de expansão, inovação e automação logística da empresa. Uma vez ativada, essa tecnologia transformará nossa operação em uma das mais automatizadas e robustas da América Latina, representando uma disrupção significativa para o setor como um todo.


“Esse projeto sem dúvida fará uma revolução no setor operacional da Flash Courier, estamos todos muitos ansiosos para ver um dos maiores projeto de automação da América Latina operar, nosso objetivo é processar 17 mil objetos por hora nesse equipamento, ou seja vamos adicionar a produção uma capacidade de mais de 400 mil objetos dia, isso mostra quanto o projeto é importante para nosso negócio e quanto a Flash Courier acredita que a tecnologia é um dos maiores pilares da logística”, pontua Ednaldo.


É comum nos referirmos não apenas como uma empresa de logística, de coleta e entrega de produtos, mas nos posicionamos no mercado como uma empresa de tecnologia que faz operações logísticas. Nosso principal foco é continuar evoluindo e desenvolvendo operações eficientes que possam trazer um ganho para empresa e cliente.


Guilherme Juliani, CEO da Flash Courier

0 comentário